Pular para o conteúdo principal

Past-Forward - 13. Estágio EI1 e a volta pro Brasil

E, finalmente, o fim do que foi o meu "estágio ouvrier" se aproxima. E com isso volto para a França, para mais pelo menos um ano. Bom, como o meu objetivo era descrever ao máximo minha epopéia francesa, lá vou eu.

Pra começar, como consegui meu estágio. A princípio, eu pretendia fazer meu estágio em Nantes mesmo, em alguma das empresas do centro, pra poder ficar no apê sem me preocupar com pagar aluguel extra e etc. Acabou que eu enrolei, enrolei, e nunca fui entregar meu currículo, logo, não teria vaga, e não teria estágio. Então, como último recurso, pedi aos meus pais para voltar ao Brasil durante as férias, e assim foi feito.
Claro que antes eu passei por uma etapa na qual eu tive de obter um positivo da Universidade, o que eu não esperava que fosse tão fácil. Especialmente por ser em uma clínica médica - nada a ver com engenharia. Mas o cara assinou na boa, e depois ainda fiquei sabendo de outros estágios bem diferentes e engraçados: um outro brasileiro que veio pra academia do pai no Brasil e um francês indo pra irlanda cuidar de ovelhas. Sim, ele foi pastor por um mês.

Assim, voltei para minha terra natal por um mês, no qual, evidentemente, não trabalhei nada e sai quase todos os dias para fazer algo com meus amigos e parentes. No meio disso estava organizando o acampamento de verão por e-mail com os chefes lobinhos. Mesmo assim tive a oportunidade de dar uma passadinha na UNICAMP, onde encontrei uma boa parte da galera da República e outros amigos. Até churrasco rolou, foi bem fera. No dia seguinte ainda tomei café-da-manhã na mecânica com eles antes de ir embora. Também fui pro interior visitar família, pra São Bernardo, pra São Paulo... Rolê de férias mesmo, bem relax.


E ainda deu tempo de viajar pras montanhas com meus pais, fazer panquecas, ler, e até de ir ao escoteiro comprar lenços pra dar pros chefes lá da França... E também de definir objetivos pro próximo ano. Mas isso eu prefiro deixar pra outra postagem.

Nos últimos dias fiquei meio mal, com algumas dores, provavelmente do estresse da volta. Mas acho que logo passa, até o dia de viajar já estarei legal.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Certidão de Movimentos Migratórios

Após alguns anos sem escrever nada por aqui, resolvi fazer um post pra dar toda a informação que eu tenho sobre a última etapa do processo de intercâmbio: a prestação final de contas após o período chamado 'interstício', no qual os beneficiários de bolsas da CAPES devem ficar no país.

Para quem tem outras dúvidas, existe um FAQ da CAPES neste link

Como algumas pessoas tem me perguntado resolvi fazer um passo a passo de como fiz para obter minha Certidão de Movimentos Migratórios, um dos documentos obrigatórios para encerrar o processo.

Pra entender mais os detalhes e, de lambuja, um pulo do gato para conseguir (sim, é possível!) o documento, continue lendo =]


Ganhando uma Vaga nas Centrales - Parte 1

Esse é o primeiro post de uma série sobre o processo para participar de um Duplo-Diploma nas Centrales, e um pouco do que eu sei sobre as outas. Logo, é um "guia" bastante específico, levando em conta que eu sei como funciona só pra quem já está na UNICAMP fazendo um curso de Engenharia.


Ganhando uma Vaga nas Centrales - Parte 2

Voltando aqui pra falar mais um pouco sobre intercâmbios.  A idéia pra este post veio de um papo com um "bixo" que tem me perguntado bastante sobre o processo todo.
Conversando, percebi que parte da dúvida era quanto aos requisitos e época das inscrições. Lá vai, então.
Como eu disse, minha """especialidade""" é Centrales, e conheço um pouco mais da Supeléc porque prestei pra lá, então das outras tenho pouca informação.
No outro post eu falei um pouco das Écoles, agora vou falar em específico dos processos se seleção.
Para todas elas, é importante ter um Currículo (CV ) e uma Carta de Motivação, ambas em inglês ou francês. Agora detalhes de cada uma: